"Sal da Terra e Luz do Mundo”, Mt 5,13-14

Pastoral Familiar realiza encontro da Assessoria Pedagógica Nacional no Rio de Janeiro

O planejamento e a definição das ações voltadas à formação dos agentes missionários das famílias nos 18 Regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) foi uma das pautas da reunião da Assessoria Pedagógica Nacional da Pastoral Familiar.

Divulgação

No encontro, que aconteceu dia 12 de junho na sede da Arquidiocese do Rio de Janeiro (RJ), também foi realizado uma avaliação do trabalho da pastoral. “Momento rico de partilha e comprometimento com a missão, oportunizando uma reflexão séria da prática pastoral e atuação na Igreja e na Sociedade, à luz da proposta do Ano Nacional do Laicato, destacou o assessor nacional da Comissão Episcopal Pastoral para Vida e a Família da CNBB, padre Jorge Alves Filho.

Uma das principais prioridades da pastoral é a formação dos agentes através das fases do Instituto Nacional da Família e da Pastoral Familiar (INAPAF ). Além de incentivar à implantação da Pastoral Familiar nas dioceses e nas paróquias onde ela ainda não existe e a necessidade de se elaborar a atualizar os subsídios que enriquecem o trabalho nas bases.

O casal coordenador nacional da Pastoral Familiar, Luiz e Khatia Stolf, o casal anfitrião e responsáveis pelo Setor Pós Matrimonial, Ronaldo e Tatiana Melo; André Parreira do Setor Pré Matrimonial; Cláudio e Maria do Rosário, Setor Casos Especiais, avaliaram o momento atual vivido, reforçando que estabelecer proximidade é de fato requisito para comunhão e que todo o esforço ainda é pouco para as famílias.

Voltar