"Sal da Terra e Luz do Mundo”, Mt 5,13-14

Mulher, uma dádiva do Criador

Nesse dia internacional da mulher, tão especial e tão majestoso falamos para todas as mulheres, aquelas que sabem o valor que tem e que reconhecem em si a preciosidade de sua feminilidade.

Saiba que a força de uma mulher possui a graça da humanização e do amor, capazes de conquistar o coração e de fazer-nos experimentar a ternura e a bondade de Deus. Ela, mais do que o homem, é um reflexo do amor trinitário onde, na comunicação do amor, a vida se faz presente e comunica-se.

A missão dela é muito essencial na realidade em que o mundo se encontra hoje. Será sua missão não permitir que a humanidade se distancie das coisas belas da vida. Ela carrega toda a força da sensibilidade e delicadeza necessárias para a alegria da vida.

Ela é a harmonia, é a poesia, é a beleza, sem ela o mundo não seria bonito, não existiria a ternura e não seria harmônico. Deus criou a para que todos nós tivéssemos uma mãe.

O Papa Francisco em uma de suas homilias disse:

“O homem estava só, então o Senhor lhe tirou uma costela e fez a mulher, que o homem reconheceu como carne de sua carne. “Mas antes de vê-la, a sonhou”: “para entender uma mulher é necessário antes sonhá-la. Muitas vezes, quando nós falamos das mulheres falamos de modo funcional: “mas ela foi criada para fazer isto, quando – ao invés – a ela traz “uma riqueza que o homem e toda a criação e todos os animais não têm”: a mulher traz harmonia à Criação, somente com a mulher Adão podia ser uma única carne”.

Você mulher que sabe quem é, e que não se deixa levar pela ditadura da beleza, ou algo desse gênero. Que entendeu o Dom do seu ser. Sabe que o mundo é mais belo, devido sua delicadeza, sua sensibilidade, seu modo de pensar e de carinhosamente agir.

 

Parabéns! Feliz dia das Mulheres!

 

Fonte: Canção Nova
Voltar